ANTIVÍRUS

Como reconhecer mensagens mentirosas?

Exemplo de mensagem mentirosa

Quem nunca recebeu um e-mail de um amigo ou mesmo de um desconhecido com o aviso de que foi descoberto um novo vírus perigoso altamente destrutivo? E-mails contendo informações sobre uma nova praga virtual perigosa, capaz de infectar ou destruir o disco rígido do micro do destinatário enquanto a mensagem estiver sendo lida ou quando o usuário clicar em determinada tecla ou link, não passam de boato.

Normalmente as mensagens mentirosas sempre anunciam algo trágico ou inesperado: a descoberta de um vírus informático altamente destrutivo, uma lei que dita que o acesso ao Facebook começará a ser pago, uma multa de trânsito dirigida a si, um comunicado do banco referente a dívidas pendentes, etc.

Exemplo de mensagem mentirosa

No mundo dos vírus de computador, são conhecidas como "hoax", mensagens falsas que circulam pele rede com o único objetivo de assustar o internauta e fazê-lo continuar a corrente interminável de e-mails indesejados. Quem cria a mensagem hoax normalmente costuma dizer -para dar mais veracidade à ameaça- que a informação partiu de uma empresa confíavel, como IBM ou Microsoft, e que a descoberta foi noticiada por alguma rede de TV ou por algum jornal, sem, no entanto, indicar links diretos para a tal notícia publicada. Antes de sair desconsiderando tudo quanto é mensagem duvidosa, deixando escapar as verdadeiras, veja abaixo algumas dicas para ajudá-lo a reconhecer ameaças falsas de vírus:
  • O autor da mensagem sempre coloca o nome de uma empresa grande como autora da descoberta para tentar dar veracidade à ameaça;
  • Parte ou toda a mensagem é escrita em letras maísculas, de forma a chamar bastante atenção;
  • No texto há sempre um pedido para que o usuário repasse o e-mail para o maior número de pessoas possível;
  • O autor da piada de mal gosto nunca dá nome ao suposto vírus;
  • Não há arquivos anexados de nenhum tipo.
Se ainda assim, tiver dúvida, lembre-se:
  • Multa do Detran, cobrança do Serasa, Prêmios em geral no e-mail, geralmente e vírus;
  • Empresas como Globo, Veja ou CNN não descobrem vírus;
  • Quando a ameaça é real, empresas de antivírus costumam soltar um comunicado oficial alertando para o grau de destruição e de relevância do vírus novo, seja em seus sites, seja na grande imprensa (site oficial) não por e-mail.
Portanto, quando uma mensagem dessas aportar na sua caixa postal, não passe adiante. Apague-a sem dó.

Fonte: UOL segurança online
Foto: A/D - Arquivo OpenBrasil.org

Antivírus - OpenBrasil.org

Postagens mais visitadas